larara lariri

Ver as pequenas certezas arrastadas como que por um rio. Num piscar de olhos, uma ida até a cozinha, um copo de água, mãos trêmulas. Descalça, o chão falta sob os pés doloridos da caminhada que me trouxe até aqui. Não acreditei. Eram dias claros, com um sol escaldante e aquele cheiro de praia. O tempo nublou, mas nada disso fazia diferença. Os sorrisos, as mãos dadas, os planos, tudo era.

Até que não era mais. E aí, tanta coisa foi pra escanteio e deu lugar a um mar de lágrimas, dor, suor. A trilha que parecia aberta e clara, de repente vira mata. Um matagal ermo, escuro, sem horizonte ou facão nas mãos. Sem lampião, sem lenha, sem água. Uma chuva torrencial fez que ia levar os sonhos, os projetos, as canções. Tudo.

O filme volta ao começo e o desejo era só uma máquina do tempo. Ou pílulas de esquecimento. Ou simplesmente um veneno em que se possa repousar a cabeça e o coração. Nada disso ao alcance, resta sentir. E sentir parece algo próximo de despencar ribanceira a baixo. De ver cortar na carne o espinho da flor que a gente regou. Recém plantada, tão viva.

Fica difícil querer. Fica difícil parar. Fica difícil sorrir. Impossível, talvez. E aí a gente cai no samba, que o Paulinho deve ter algum conselho pra dar. Ou a gente só deita. E quase pode ouvir os arrepios da espera.

Encostar em mim de novo só quem me faz bem, eu disse. Mas acontece que eu sorri pra ti, e aí, o Chico sabe onde isso dá. Mas se eu soubesse, nem olhava a lagoa, não ia mais à praia, de noite não gingava a saia, e não dormia nua. E se eu pudesse, te diria, na boa, não sou uma das tais. Mas acontece que eu abri a porta pra você. E aí, o chão ruiu. Não sei se você sabe consertar o que sobrou. Mas o amor é bicho instruído. Vai que ele sabe. Se eu sobreviver, eu deixo ele tentar. Vai que ele sabe.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: